PESQUISA QUANTITATIVA NA PRODUÇÃO DE CONHECIMENTO JURÍDICO

Miracy Barbosa de Sousa GUSTIN, Mariana Alves LARA, Mila Batista Leite Corrrêa da COSTA

Resumo


É concepção corrente em diversos setores do mundo acadêmico, que a Ciência do Direito deve se valer exclusivamente de metodologias qualitativas em seus estudos. O presente trabalho pretende demonstrar o oposto, ou seja, que as metodologias quantitativas podem ser utilizadas pelo Direito para inovar o conhecimento e compreender fenômenos jurídicos de maior complexidade. Dados coletados por meio de questionários, entrevistas e surveys podem ser, inclusive, objetos de relações de probabilidade estatística. O Direito como Ciência Social Aplicada pode se valer dessas probabilidades para estudar o cotidiano jurídico. todavia, os dados quantitativos não falam por si, necessitam sempre de análises qualitativas para sua compreensão e interpretação, conforme a hipótese do trabalho. Portanto, sempre que possível deve-se optar pelo uso de múltiplos enfoques para a produção de um conhecimento jurídico cientificamente aceitável.

PALAVRAS-CHAVE: Pesquisa Quantitativa. Survey. Produção de
conhecimento jurídico.

 

ABSTRACT


Still subsists in many academic sectors a common sense that the Science of Law must rely exclusively on qualitative methods. This paper aims to demonstrate the opposite, that the use of quantitative methodologies by Law is a good way to innovate upon the knowledge of the area and to understand complex phenomena. Data collected through questionnaires, interviews and surveys can  be object of statistical probability ratios. The Applied Social Sciences,
as Law, can take advantage of these inferences to study the daily juridical reality. However, quantitative data do not explain things for themselves: it is always necessary to perform qualitative analysis for their comprehension and interpretation according to the research’s hypothesis. Therefore, whenever possible, the researcher should use multiple approaches for a truly new knowledge’s production.

KEYWORDS: Quantitative Research; Survey; Production of
Juridical Knowledge

 

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN Eletrônico: 1984-1841

ISSN Impresso: 0304-2340